Coimbra: Cinco grupos amadores de teatro da região vão atuar na OMT

FOTO DB/MARIA INÊS MORGADO

Aluvião é o novo projeto do Teatrão e da Fundação Inatel que promete dar a conhecer o que o teatro amador faz no Baixo Mondego.
A primeira edição do ciclo arranca nos próximos dias 1 a 3 de novembro na Oficina Municipal de Teatro. Estão convidados o Trailaró – Teatro ACSS (de Figueiró do Campo, Soure), o TEAM – Teatro do Meio (Granja do Ulmeiro, Soure), o Pateo das Galinhas – Grupo de Teatro Experimental da Figueira da Foz, o Teatro Perro e Gambiarra (Tábua) e o CITEC – Centro de Iniciação Teatral Esther de Carvalho (Montemor-o-Velho) para apresentar os seus mais recentes projetos.
De facto, de acordo com a diretora do Teatrão, estas cinco companhias foram escolhidas para participar nesta primeira edição do Aluvião porque têm produções prontas e estreadas.
Aluvião respeita ao depósito de sedimentos arrastados pela água, afirma Isabel Craveiro, que explica que é uma boa metáfora para o trabalho que se pretende realizar com o tecido teatral amador da região.
Por seu lado, Bruno Paixão, diretor distrital de Coimbra da Fundação Inatel, comentou que aluvião é uma expressão muito feliz neste projeto, dado que “acompanha-nos muito este sentimento do rio”, mesmo se “vamos buscar o rio muito mais a nascente do que onde desagua”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.