Académica: Embate da Taça de Portugal deixou marcas

Posted by

FOTO WWW.ACADEMICA-OAF.PT

“Vitória importante, que nos fugia há algumas jornadas. O objetivo foi cumprido”. As palavras de César Peixoto, no final do encontro frente ao Lusitano de Vildemoinhos, que terminou com a vitória da Briosa, 1-0, evidenciam satisfação pela passagem à 3.ª eliminatória da Taça de Portugal.
Apesar do feito, o jogo no Estádio dos Trambelos deixou marcas na formação de Coimbra. Para além das expulsões de Arghus (65’) e Marcos Paulo (90’), ambas por segundo amarelo, o extremo ganês Barnes Osei saiu lesionado, ainda na fase inicial do desafio, tendo sido substituído por Traquina aos 20’ ( o ganês queixou–se ainda nos primeiros cinco minutos).
“Dominámos por completo na primeira parte, conseguimos chegar muitas vezes à zona de finalização. Na segunda parte entrámos bem novamente e fizemos o golo. Depois complicou-se com as expulsões, mas a equipa teve espírito de sacrifício, teve alma… Deu para perceber o espírito de grupo que existe, a união tremenda nos jogadores. Foi a vitória da crença, do esforço”, realçou o técnico da Briosa no final do encontro.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.