Opinião: Os milagres de Lourdes e a medicina

Posted by

Tentando dar credibilidade aos milagres avulsos que, esperam, venham a caminho a Associação de Defesa dos Costumes Cristãos de Coimbra publicou um folheto com o título Os milagres de Lourdes e a medicina, assinado pelo Dr. Henrique Guinier, agregado da Faculdade de Montpellier, impresso na Empresa Gráfica “A Universal “, sedeada no Porto, na Rua Duque de Loulé, datado de 1916, ou seja um ano antes dos aparecimentos de Fátima.
Comprei-o numa Feira de Velharias, mas encontro-o num site da Universidade de Aveiro, na sala dos fundos especiais, como interdito e talvez perceba porquê.
Tive por isso sorte por o ter comprado, Ou talvez não. Sei também que pertenceu ao Padre Acúrcio. E mais nenhuma informação encontrei na Internet, por enquanto.
Entretanto, recordei que nesse tempo alguns dos católicos mais devotos e mais endinheirados iam até Lourdes, ficando os menos abonados por Portugal.
A criação em Fátima de um novo lugar de culto era por isso uma forma de assegurar que os portugueses fariam a Defesa dos Costumes Cristãos, apostando em Coimbra como polo defensor desses mesmos costumes em Portugal.
Contudo, fomos confrontados há dias com a notícia de que “a segurança dos participantes numa conferência organizada pela International Catholic Legislators Network (ICLN), entidade promotora dos valores cristãos na política, a decorrer desde quinta-feira, em Fátima, e sem divulgação pública, está a ser assegurada por cerca de 200 militares da GNR. Viktor Órban, primeiro-ministro húngaro, e Mick Mulvaney, chefe de gabinete do presidente dos EUA, são alguns dos participantes no encontro, conotado com a extrema-direita… https://www.jn.pt/nacional/interior/extrema-direita-reune-em-segredo-em-fatim-11236560.html, acesso em 28 de agosto de 2019 ).
Estamos assim num terreno perigoso, logo e quando os Povos temem pela Paz face ao anúncio de Guerras Comerciais, que podem transformar-se em conflitos armados.
Mas, sabemos que a Igreja Portuguesa se demarcou deste evento e fez constar que nada tinha a ver com ele, embora se usasse o território português e, naturalmente, instalações da Igreja Católica que, ao mais alto nível, se tem demarcado deste tipo de opções políticas.
Pior ainda, todos sabemos como as opções políticas, que atacam o ambiente como acontece no Brasil, mais propriamente na Amazónia, preocupam muitos povos e os respetivos governantes já que propagam ainda mensagens de ódio no relacionamento entre os Homens, pondo em perigo os equilíbrios precários que asseguram a Paz no Mundo e que nada têm a ver com a defesa dos valores cristãos, sendo apenas e só a sua perversão.
Naturalmente, por isso, foi tudo realizado em segredo e sem alarde para que nada perturbasse estes trabalhos, mas isso não nos deve deixar sossegados.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.