Foragido acusado de homícidio, roubos e sequestros na região Centro foi apanhado pela Polícia Judiciária

Posted by

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um foragido de 43 anos suspeito de integrar um gangue violento de seis elementos, cinco homens e uma mulher, autor de um homicídio, diversos roubos e sequestro na região Centro, foi anunciado nesta sexta-feira. Três dos suspeitos estão a aguardar julgamento atrás das grades, enquanto outros três se encontram sob diferentes medidas de coação.

A detenção deste indivíduo ocorreu através da Diretoria do Centro, com o apoio do Departamento de Investigação Criminal de Leiria, no cumprimento de mandados de detenção emitidos por autoridade judiciária, segundo comunicado.

A PJ adianta que os crimes pelos quais se encontra acusado terão sido praticados nos concelhos de Leiria, Marinha Grande, Pombal, Figueira da Foz e Coimbra. Entretanto, o início do julgamento deverá ser na próxima semana, ou na seguinte, no tribunal de Leiria.

“Os elementos do grupo atuavam encapuzados, por meio de arrombamento de portas ou janelas e, usando armas brancas e bastões, penetravam em casas isoladas, habitadas por pessoas idosas, que eram surpreendidas durante a noite, sendo agredidas de forma gratuita, com extrema violência e depois amarradas”, informou a PJ

O suspeito encontrava-se “a monte” desde setembro de 2018, presumindo-se que terá fugido para Espanha na altura em que a Polícia Judiciária levou a cabo uma operação policial denominada “Operação Sénior”, que incidiu em diversos locais da faixa litoral, entre as cidades da Figueira da Foz e a Marinha Grande, na qual foram detidos os outros elementos do grupo.

AMV // SSS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.