Opinião| Consultório de estilo: Vestir com estilo

Posted by

“Nunca se deve seguir apenas o que a moda dita, pois o espelho dá sempre a melhor resposta”, segundo o estilista Paco Rabanne. O autoconhecimento é a chave para o equilíbrio, nomeadamente, quando nos preocupamos com o vestir bem. Uma das coisas mais importantes na hora de escolher uma roupa é conhecer o formato do próprio corpo e, assim, valorizar o que se gosta na medida certa.

Na área do Personal Stylist, o profissional responsável em cuidar – não só da aparência externa, mas, principalmente da essência -, procura identificar a silhueta da cliente. No total são cinco formatos de corpo: ampulheta, oval, retangular, triangular e triângulo invertido.

Por exemplo, a ampulheta, são pessoas que têm ombros e quadris na mesma proporção e uma cintura mais fina; oval, quem tem a cintura arredondada com os braços, as pernas e as costas cheinhas; retangular, mulheres que têm os ombros, a cintura e o quadril na mesma largura; triangular, o quadril é largo e o ombro estreito; triângulo invertido, têm o ombro largo e quadril estreito.

Sabendo o formato do seu corpo fica mais fácil descobrir as peças que combinam e que sejam agradáveis de vestir. Não precisa de ter um closet enorme, lotado de roupas e sapatos. Precisa é de saber comprar em função do que já tem e, também, do que pode reciclar.

Há pessoas que naturalmente estão sempre bem vestidas, não precisando de se preocupar com etiquetas. Vestir-se bem é, também, identificar-se com a sua marca pessoal, a marca que já identifica com o seu bem-estar.

Se precisar de um(a) profissional que a auxilie nessa tarefa, pois bem, há muitos que sabem valorizar o que você é, sem imporem o que não faz sentido. Seguir o gosto pessoal, ajustando-o ao seu corpo, valoriza-a e aumenta a sua autoestima.

Mudar a forma não significa perder a sua identidade, nem deixar de ser para parecer. Sentir-se confortável é fundamental para que se sinta bem vestida.

O “vestir-se bem” não combina com padrões pré-estabelecidos, essa condição está ligada – independente do seu estilo, tipo de corpo ou idade – à variável mais importante: sentir-se confortável com o que usa.

As dicas são simples para estar impecável em qualquer situação. Usar a numeração correta. Isso só se consegue com um bom caimento, usando roupas que são do tamanho certo, por isso, experimente sempre as peças antes de as comprar. Valorize os seus pontos fortes. Além da numeração, escolha peças que ressaltam o que mais gosta no seu corpo.

Paralelamente a estas dicas é preciso ter em conta a qualidade dos tecidos, bem como o corte das peças que fazem toda a diferença no resultado final. Por fim, quanto mais confortável se sentir com uma determinada roupa, mais segura e autoconfiante se sentirá. Vestir é, também, conjugar bem-estar e beleza.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.