Arraial com concertos de hora a hora em Oleiros

Posted by

DR

Sete músicos e grupos portugueses vão estar em Oleiros, no dia 31 de agosto, para participar num evento que inclui concertos de hora a hora que só serão revelados no próprio dia, foi hoje anunciado.

A primeira edição do Arraial em Flagrante surge como consequência de um conjunto de eventos realizados mensalmente na vila de Oleiros, no distrito de Castelo Branco, pela recém-criada Associação Pinhal Cultural.

“Esta foi uma ideia da associação que, apesar de só ter sido formalizada no início deste ano, informalmente, realizava mensalmente eventos, com concertos-surpresa. O Arraial em Flagrante é uma consequência do trabalho que a associação tem vindo a desenvolver desde agosto de 2018“, explica à agência Lusa, o músico e presidente da Pinhal Cultural, Nuno Caldeira.

A iniciativa que está agendada para o dia 31 de agosto, a partir das 13H00, vai decorrer no centro da vila de Oleiros, junto ao adro da igreja matriz e os artistas participantes, todos nacionais, só vão ser divulgados no próprio dia.

Estão programados concertos intimistas que decorrem de hora a hora, conversas com os músicos e profissionais ativos da cultura, jogos tradicionais, entre outras iniciativas.

Nesta edição de arranque, apenas o DJ e comunicador Fernando Alvim, que assume o título de “padrinho” do Arraial, conhece toda a programação.

“Temos artistas de referência, todos nacionais, num total de sete, grupos musicais incluídos, cuja divulgação só será feita no próprio dia. Os concertos não irão ultrapassar os 35 minutos e decorrem de hora a hora”, adianta Nuno Caldeira.

Este responsável explicou ainda que a organização do Arraial em Flagrante está a cargo da Associação Pinhal Cultural e Câmara de Oleiros.

“O município percebeu o trabalho que estávamos a desenvolver e disponibilizou-se a ajudar e a coorganizar o evento”, conclui.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.