Arganil investe 700 mil euros na recuperação de imóveis municipais afetados pelos incêndios de 2017

CM Arganil – Casa da Quinta Dr. Urbano – Benfeita

As obras de recuperação de três imóveis municipais de Arganil, no distrito de Coimbra, danificados pelo incêndio de 15 de outubro de 2017, vão custar 700 mil euros, informou hoje a câmara.

Com uma comparticipação financeira do Fundo de Solidariedade da União Europeia (FSUE), na sequência de uma candidatura do município, presidido por Luís Paulo Costa, estão a ser recuperadas a Casa da Quinta Dr. Urbano, na Benfeita, e as antigas escolas primárias de Porto Silvado, na freguesia de Pomares, e de Anceriz, na União de Freguesias de Vila Cova do Alva e Anceriz.

“O atraso registado na disponibilização das verbas do FSUE, por parte do Governo, em nada afetou a vontade do município em continuar a transformar os obstáculos, nomeadamente os que resultaram do malfadado incêndio de 2017, em oportunidades, dando uma nova vida aos equipamentos municipais, rentabilizando-os e colocando-os à disposição da comunidade”, afirmou o social-democrata Luís Paulo Costa, citado num comunicado da autarquia.

Notícia para ler na edição impressa de amanhã, 13 de agosto, do Diário As Beiras

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.