Exclusivo Diário As Beiras: Ainda não houve buscas na Câmara de Soure

Mário Jorge Nunes, presidente da CM Soure

Até ao final desta manhã, a PJ não tinha realizado quaisquer buscas nas instalações da Câmara Municipal de Soure, no âmbito da operação “Rota Final”, que está a investigar autarquias do Norte e Centro de Portugal relacionadas com um alegado esquema fraudulento de viciação de procedimentos de contratação pública, informou fonte policial.

Quem o assegura é o próprio autarca local, Mário Jorge Nunes, que, ao DIÁRIO AS BEIRAS, adiantou que “o dia está a decorrer normalmente”. “Aqui, não houve buscas nenhumas. A manhã está a decorrer como qualquer outra, não houve qualquer tipo de situação anormal”, garantiu.

Questionado sobre a operação divulgada pela PJ em nota enviada à comunicação social, Mário Jorge Nunes afirma nada saber sobre a investigação e diz que não contactou as autoridades. “Se contactei alguém? Não, estou à espera… Tudo o que sei é o que li na comunicação social. Até agora, ninguém apareceu na câmara”, atirou.

A operação, com o nome de código “Rota Final”, incluiu também buscas em entidades públicas e empresas, sendo realizadas pela Diretoria do Norte da PJ, com o apoio de vários departamentos de investigação criminal e da Diretoria do Centro, no âmbito de um inquérito titulado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Coimbra.

Ao todo, foram 50 as buscas realizadas, envolvendo 200 elementos da PJ – inspetores, peritos informáticos, peritos financeiros e contabilísticos.

As 18 câmaras municipais alvo de buscas são as de Águeda, Almeida, Armamar, Belmonte, Barcelos, Braga, Cinfães, Fundão, Guarda, Lamego, Moimenta da Beira, Oleiros, Oliveira de Azeméis, Oliveira do Bairro, Sertã, Soure, Pinhel e Tarouca.

A investigação prossegue “para determinação de todas as condutas criminosas, seu alcance e respetivos agentes”, esclarece a polícia.

Notícia publicada na edição impressa de amanhã

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.