Portugal precisa de uma Marinha bem equipada, defende Ministro da Defesa

Posted by

FOTO DB/ANTÓNIO ALVES

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, realçou hoje a importância do mar para Portugal ao longo dos séculos, defendendo que o país precisa de uma Marinha “bem equipada” face aos desafios atuais.

Nos próximos 12 anos, segundo o ministro, o Estado vai fazer “um reforço muito significativo” ao nível dos meios humanos e equipamentos, designadamente na renovação da frota.

“Vamos reforçar a capacidade da nossa Marinha”, disse João Gomes Cravinho aos jornalistas, em Coimbra, no final da sua participação nas comemorações do Dia da Marinha, em que esteve acompanhado pela secretária de Estado da Defesa Nacional, Ana Santos Pinto.

Na sua intervenção, afirmou que “existe, hoje, na nossa sociedade um amplo consenso sobre a centralidade que o mar deve assumir no nosso desenvolvimento enquanto sociedade do século XXI e na afirmação internacional” de Portugal.

“O mar representa hoje um espaço de inovação e desenvolvimento que nos cabe fazer cumprir e configura-se como um dos nossos ativos estratégicos principais”, salientou.

Para o ministro da Defesa, “é um desígnio nacional e uma profunda fonte de sentido de pertença se o seu conhecimento for apoiado e suportado, como base de políticas públicas”.

“O trabalho desenvolvido pela Marinha, em todas as dimensões da sua interação com os nossos espaços marítimos e ribeirinhos, contribui de forma insubstituível para esse conhecimento, para esse sentido de pertença, para essa ligação afetiva com o mar”, acrescentou.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.