Imprensa da Universidade de Coimbra é a editora lusófona com mais livros em diretório internacional

Posted by

A Imprensa da Universidade de Coimbra (IUC) tornou-se a editora lusófona com mais livros indexados no Directory of Open Access Books (DOAB na sigla original, Diretório de Livros em Acesso Aberto, numa tradução livre), anunciou hoje a instituição.

“O patamar atingido – com 250 obras indexadas neste diretório de referência internacional – é mais um “selo de qualidade” do trabalho desenvolvido pela IUC, sublinha o seu diretor e vice-reitor para a Cultura e Ciência Aberta da Universidade de Coimbra (UC), Delfim Leão.

“A afirmação da IUC como a principal editora lusófona presente no DOAB (e parte do top 5% das mais de 300 lá representadas) é o corolário de um longo processo, de cerca de oito anos, que atinge agora a sua maturidade”, sublinha a Universidade, numa nota enviada hoje à agência Lusa.

“Não se trata apenas de ter livros em acesso aberto [para consulta pela comunidade cientifica e sociedade civil], mas sim de ter livros que cumpram um conjunto de requisitos de gestão cientifica e editorial de acordo com as boas práticas internacionais”, sublinha Delfim Leão, adiantando que a IUC conta “reforçar paulatinamente, ao longo dos próximos meses, o número de obras.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.