“É preciso mudar a mentalidade da população de Coimbra”

Posted by

Foto – DB/Pedro Ramos

A apresentação do mais recente livro de Hélder Rodrigues – colunista de opinião do DIÁRIO AS BEIRAS – serviu para, mais uma vez, fazer um ponto de situação relativamente ao “estado” da cidade de Coimbra.

Um debate suscitado pela obra “Coimbra, a Região e o futuro – Conhecimento e afetos, ontem, hoje e amanhã” e que resulta da compilação de textos publicados semanalmente pelo autor neste jornal e que conta, também, com a “presença” escrita de 16 comentadores.

“Trata-se do livro que faltava a Coimbra”, referiu, no arranque, a vereadora da Cultura da Câmara de Coimbra. Carina Gomes fez questão de elogiar a forma como o autor fala da cidade, mas sem nunca “perder o espírito crítico”. Segundo a autarca, trata-se de “um livro de afetos, mas sem que eles afetem a objetividade da sua escrita”.
O vice-reitor da Universidade de Coimbra reconheceu o trabalho desenvolvido pelo autor no retomar do prestígio da cidade.

É que, como afirmou João Nuno Calvão da Silva, só Hélder Rodrigues tem a capacidade de “fazer pontes e gerar consensos” para “inverter a espiral de desenvolvimento e centralidade que Coimbra perdeu para Lisboa e Porto”.

(Ler reportagem completa na edição em papel de 21 de maio do DIÁRIO AS BEIRAS)

 

2 Comments

  1. Zé da Gândara says:

    Coimbra é uma nulidade no todo deste país provinciano e bacoco que vive a olhar para o próprio umbigo, numa espécie de realidade paralela…

  2. José Carlos says:

    Um vendedor de palha em fardo…e Coimbra dá ouvidos a um tipo como o Hélder Rodrigues! Nem sequer escrever sabe!

    Ai pobre Coimbra que se reduz a tão pouco…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.