Opinião – “Eutanásia do Planeta Terra: o Alarme”

Posted by

Vai haver eleições para o Parlamento Europeu. Quem são os nossos candidatos? O que fazem e fizeram? Só vejo rostos jovens ou desconhecidos ou então tão conhecidos que deles não se poderá esperar mais do que o nada que fizeram.
Clamei, sem ser escutado ou ouvido, que deveriam apresentar não só a que partido pertencem, mas o que julgam fazer e de que conselheiros se servirão para melhor fazer o que há que fazer.
Tivemos logo uma surpresa, melhor, a confirmação: todos têm as raízes implantadas nas jotas partidárias e, na grande maioria, são do ramo das ciências humanistas, jurídicas e empresariais, que nada de riqueza ou bem-estar produziram, só consumiram!
Não sabem que não é só com um número de bombeiros e meios que se dominam os incêndios, consumindo recursos de que se colhe pouco proveito (ou melhor o proveito esperado). A solução é voltar à ruralização, animais a limpar as florestas, construir charcas e barragens para reter as águas e aumentar a produção, não estar dependente do exterior para a nossa sobrevivência e subsistência.
Mas a produção aumentaria sem as greves, tão funestas… Todos nos sentiríamos mais felizes.
Está em agonia a saúde. Cada vez são menos os seus recursos, as dívidas dos hospitais aumentam, os produtos diminuem,… Causa: a partidarice, as nomeações e familiaridade no acesso aos cargos de mando. Encobrem tudo. Devem alterar as estatísticas…
Não vejo nenhum inconveniente de que se proteja um familiar desde que tenha mérito, como se for o filho de um político, se tiver esse mérito e merecê-lo. Mas tem de no exercício do cargo demonstrar todos os dias e pelo seu comportamento e merecimento que é digno de ter sido eleito ou escolhido!
Por acaso já pensaram no preço a que fica a limpeza das matas, dos quintais e das margens das estradas? E os seus inconvenientes? A floresta purifica o ar, acolhe a chuva. O seu produto – folhas, ramos, ervas – enriquecem o solo de material orgânico, que dão nova vida ao que a vida já tinha levado. Aparecem as aves, os animais selvagens, para se nutrir e dar vida ao que se encontrava em agonia.
Não é levando para as cidades (e grandes) para estar à volta dos computadores, aqueles que no local eram capazes de informar, dirigir e actuar.
Mas se por exemplo quem tem o poder tiver conselheiros capazes isto não estaria a acontecer. Mas rodeiam-se, para sobreviver, de quem menos sabe ainda do que eles.
Quem é o responsável pelo estado de degradação da agricultura e com ela da saúde? Não deverão ser as comissões da agricultura e da saúde, em vez de ser atribuída a responsabilidade a quem responsabilidade não tem?
Para que servem tantos deputados e tantas comissões que passam o tempo a digladiar-se como se gladiadores fossem na antiga Roma?…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.