ISCAC debate reforma eleitoral

FOTO DB/PEDRO RAMOS

O ex-líder do CDS, António Ribeiro e Castro, esteve ontem no Coimbra Business School| ISCAC para defender uma reforma eleitoral que considera “possível, fácil e justa”.
Ribeiro e Castro é o primeiro proponente de uma petição que defende a reforma eleitoral, sendo atualmente presidente da Associação por uma Democracia de Qualidade (ADQ) e dirigente da SEDES (Associação para o Desenvolvimento Económico e Social).
“Os eleitores não se sentem representados na Assembleia da República”, disse, em declarações ao DIÁRIO AS BEIRAS, afirmando que é precisamente “aí que reside o problema”. Para o ex-deputado ao Parlamento Europeu e à Assembleia da República, “o sistema eleitoral português não é mau, mas evoluiu negativamente pela prática dos partidos que expropriou os cidadãos da capacidade de intervir”.

Notícia completa na edição impressa de hoje

4 Comments

  1. Zé da Gândara says:

    Olha o ostracizado da política, o "Cozinheiro e Castro", a dar um ar de sua graça e a aparecer para mostrar que ainda está vivo… Já que ninguém lhe passa cartucho, veio para a ISCAC em peregrinação… Um dia destes, vai começar a percorrer infantários, quando chegar à conclusão que por aqui também poucos lhe passam cartucho…

  2. Elsa Fonseca says:

    Poder-se Votar em qualquer sítio do País tendo a obrigação de enviar a informação à Freguesia onde tem domicílio legal, de que se votou num lugar diferente e informar qual foi esse lugar.
    Exemplo: Estou na Guarda e o meu cartão eleitor é de Lisboa. Posso votar na Guarda mas tenho de mandar carta registada com aviso recepção para a minha freguesia de Lisboa.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.