Opinião: Nenhuma modalidade desportiva desmerecerá de outra!

Posted by

Não gosto, como nunca gostei, e agora por maioria de razão, de discutir a prática desportiva de modalidades desportiva diferentes. E muito menos, o que deverão ser direitos e deveres de todos os agentes desportivos.

Tenho um histórico – nomeadamente quando trabalhei na autarquia de Coimbra com o meu Grande Amigo Jorge Lemos – de desenvolvimento e gestão desportiva, que me permite ter uma visão diferente do fenómeno desportivo.

As várias dimensões geográficas onde se deve analisar o fenómeno desportivo estão fora de qualquer contexto.

Cada um deve defender a “sua dama” o melhor que pode, sem desejar atropelar o vizinho. Quando assim é, e alguém se coloca em “bico de pés”, obriga a uma natural reacção.

A mim pouco me importa qual a modalidade desportiva que a criança pratica, ainda que a preferência pelo basquetebol me agradasse mais. Mas isto, é defeito!

Todos sabemos o quão importante é a prática desportiva. Todos NÃO, porque ao nível em que se arrasta o Desporto Escolar, os responsáveis políticos da Nação não fazem a mínima ideia.

A regionalização acabaria com o desconhecimento da realidade.

Ainda hoje fizemos uma proposta à Câmara Municipal de Coimbra que não implica despesa e que vai ao âmago da questão. As escolas do 1º. Ciclo.
Mas voltemos ao que interessa.

A discussão sobre um complexo olímpico de ginástica é uma não discussão e um não assunto. Até porque a localização ora proposta, estaria há longo tempo destinado a um pavilhão para o basquetebol. Aliás, o CAD-Associação Coimbra Basquete ficou limitado na sua prática.

Com seis clubes na área urbana da cidade de Coimbra e 14 clubes no distrito de Coimbra, as equipas estão todos os fim de semana em actividade, tendo atingido os 683 jogos na época de 20117/18. Mesmo assim, ainda não conseguimos a “REQUISIÇÃO” de um Professor ou Técnico de Desporto para ajudar a desenvolver o basquetebol nas escolas, nem que fosse a meio tempo.

Só no próximo fim de semana estão agendados 42 jogos das nossas equipas do distrito.

Os nossos atletas estão também envolvidos em selecções distritais e estaremos presentes na maior festa de desporto que se faz em Portugal, na cidade de Albufeira, este ano entre 11 e 16 de Abril.

Mais de 900 atletas, centenas de árbitros e oficiais de mesa, centenas de treinadores e dirigentes. Coisa pouca. E depois, e ainda, regressamos para acabar a época com jogos de fases finais em todos os escalões.

Ah. E temos selecções em todos os distritos do País do Minho ao Algarve, Madeira e Açores. Coisa pouca.

Os clubes e as famílias percorrem mais de 300.000 kms por época. É obra, não é?

E ainda, depois disso, vão-se suceder os torneio de 3X3 locais, regionais e nacionais, além de clinics para treinadores e campos de treino para atletas e treinadores.

Depois ainda selecções nacionais dos vários escalões.

E só depois… merecidas férias.

Notas importantes

1 – Realizamos seminários temáticos todos os anos

2 – O basquetebol precisa de mais pavilhões por maioria de razões. No distrito de Coimbra e na região Centro, para que a oferta formativa seja melhor.

3 – Gostamos muito que os jovens pratiquem modalidades desportivas individuais, mas que depois venham para o Basquetebol.

Se estiveram em boa companhia, esta não desmerecerá!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.