Novo diretor da PJ aposta no combate à criminalidade grave

Os meios são escassos e é preciso “investigar o que é prioritário, prevenir e combater a criminalidade grave”. Foi com esta consciência que o procurador da República Jorge Leitão tomou ontem posse como diretor da Diretoria do Centro da Polícia Judiciária (PJ).

Falando de um “desafio”, Jorge Leitão referiu que é sua intenção “manter a linha de continuidade, o espírito de cooperação e seguir um rumo que já vinha de trás”. Magistrado do Ministério Público “há quase 30 anos”, falou de uma instituição que conhece e com a qual tem trabalhado, mas apelou à colaboração de todos “para perceber verdadeiramente o funcionamento da casa, as dificuldades, o que pode ser otimizado”.

Na presença do diretor nacional da PJ, Luís Neves, o novo responsável afirmou que um dos objetivos é “investigar o que é prioritário”, referindo-se à criminalidade violenta e altamente organizada, à criminalidade económico-financeira e à recuperação de ativos”.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.