Arganil: Unidade de Cuidados Continuados vai ser instalada no antigo hospital

DR

A requalificação do antigo Hospital Condessa das Canas, para instalação de uma Unidade de Cuidados Continuados, é o principal projeto da Santa Casa da Misericórdia de Arganil para o próximo ano.

Trata-se de um investimento superior a dois milhões de euros, que consta do Plano de Atividades e Orçamento para 2019, aprovado por unanimidade e aclamação, na última assembleia geral desta instituição, e que resultará da contração de um empréstimo, destinado “a assegurar os recursos financeiros indispensáveis ao arranque das obras”.

Recuperar o antigo hospital
Considerando que o Plano de Atividades e Orçamento da Misericórdia para 2019 é “um sinal de esperança”, José Dias Coimbra enalteceu que “traduz o reforço do investimento na sede do concelho, tendo em vista recuperar um edifício emblemático e histórico dos arganilenses, como é o antigo hospital, contribuindo para a vitalidade e comércio da vila”.

Sublinhando que a Santa Casa da Misericórdia “não pode retardar mais este investimento”, o provedor da Misericórdia de Arganil revelou que “contribuirá para a criação de cerca de 25 postos de trabalho e, simultaneamente, a instalação de 36 camas, sendo que parte significativa destas deverão ser integradas na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados, no âmbito de um processo já contratualizado, mas que se tem vindo a arrastar desde 2010”.

A contar com o compromisso do Estado
Já António Carvalhais da Costa, declarando que “o Estado, certamente, honrará os seus compromissos”, acrescentou que “a Misericórdia de Arganil não pode permitir que outros projetos, sem contratualização, avancem em detrimento daqueles cujos compromissos estão firmados”.

Pode consultar a notícia completa na edição impressa desta quarta-feira, 5 de dezembro, do Diário As Beiras

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.