Luta dos enfermeiros do IPO Coimbra pode passar por abandonar grupos de trabalho

Posted by

Os enfermeiros do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Coimbra vão estudar a possibilidade de abandonarem os grupos de trabalho que não tenham a ver diretamente com cuidados de saúde, disse  fonte sindical.

Segundo o presidente da região Centro do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), Paulo Anacleto, para a semana vão começar a ser analisadas juridicamente as nomeações de enfermeiros para grupos de trabalho.

“Temos de analisar as implicações no caso de deixarem de pertencer aos vários grupos”, disse o sindicalista à Lusa, dando conta da decisão tomada hoje, quinta-feira, num plenário realizado em frente ao edifício do IPO Coimbra.

Esta é uma das medidas do SEP para pressionar a administração daquela unidade de saúde a descongelar as carreiras, de acordo com as progressões previstas no Orçamento do Estado deste ano.

“No âmbito da nossa carreira na administração pública são atribuídos pontos, que, atingido 10, a lei obriga à passagem ao índice remuneratório seguinte. A nós devia ser atribuído 1,5 pontos por ano de 2004 a 2014”, explicou.

No entanto, acrescentou, até 2010, o IPO de Coimbra atribuiu “apenas 1,5 pontos até 2010 aos enfermeiros com contrato em funções públicas e aos contratos individuais de trabalho não atribuiu ainda qualquer”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.