Há casas reconstruídas em zonas de perigo

Xavier Viegas alertou ontem para o facto de algumas casas destruídas no incêndio de Pedrógão Grande estarem a ser reconstruídas em “zonas de perigo” pelo que podem voltar a ser destruídas por incêndios futuros.
À margem de uma conferência sobre a adaptação às alterações climáticas, o coordenador do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais da Universidade de Coimbra lamentou que tenha sido a emoção a orientar a reconstrução das habitações destruídas por este incêndio que matou 68 pessoas.
“A opção foi reagir um pouco sobre a emoção e nesse pouco tempo e sem trabalho prévio não se conseguem mudar atitudes e tenho receio, de facto, que se possa estar a reconstruir para que daqui a uns anos se lamentem mais perdas”, alertou.

Toda a informação na edição impressa de hoje, 17 de outubro, do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.