Coimbra apresenta propostas para melhorar ensino da saúde

Posted by

FOTO DB/PEDRO RAMOS

A Rede Académica das Ciências da Saúde da Lusofonia (RACS) está reunida desde ontem em Coimbra. O encontro junta dirigentes e representantes de instituições de ensino superior na área da saúde e tem como objetivo refletir sobre as orientações políticas e propostas de melhoria do ensino da saúde nos países de língua portuguesa.

Para tal, esta entidade sediada em Coimbra decidiu criar o Observatório do Ensino Superior da Saúde em Territórios de Língua Portuguesa (OESSP), tendo convidado, para integrar o grupo de trabalho, docentes de várias escolas nacionais. António Amaral, da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), integra esta comissão que ontem deu conta do trabalho realizado nos últimos dois meses.

Coube a Carolina Henriques, subdiretora da Escola Superior de Saúde de Leiria e membro do grupo de trabalho, apresentar o projeto de regulamento que, a partir de agora e até ao final do mês de novembro, irá estar em discussão pública. Se os prazos forem cumpridos, o observatório deverá entrar em funcionamento entre dezembro deste ano e janeiro de 2019.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.