Segundas habitações ardidas têm apoio municipal na Pampilhosa da Serra até 80 mil euros

FOTO DR

Após ter passado por todos os procedimentos necessários, torna-se agora possível colocar em campo o regulamento municipal da Pampilhosa da Serra destinado ao apoio à reconstrução de casas de 2.ª habitação destruídas pelos fogos.

É um regulamento pioneiro a nível nacional, que começou por obter parecer positivo da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), aprovado em reunião de câmara e novamente aprovado, por unanimidade, em Assembleia Municipal do passado dia 22 de setembro.

“Há muita gente que não reconstrói porque não tem possibilidade. No fundo, a obrigação que temos é de tentar alavancar a construção das casas nas nossas aldeias. Com este regulamento, o que nós queremos é motivar as pessoas a reconstruir, ainda que não tenhamos hipótese de pagar tudo”, salientou José Brito, presidente da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra, no decorrer da Assembleia Municipal.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.