Opinião: Complementaridades regionais

Posted by

O mês de setembro anuncia o fim do verão. Faz-se o balanço da época balnear: “foi bom, melhor que o ano passado, esteve cá mais gente, foi igual, etc.”, enfim as opiniões serão diversas mas afinal o que nos dizem os dados oficiais? Para já que a taxa de ocupação hoteleira, até agosto, se situou nos 80% e que uma das razões deste resultado se deveu à realização do Campeonato Mundial de Canoagem, disputado em Montemor-o-Velho, no seu Centro de Alto Rendimento.

Montemor ainda sem capacidade hoteleira capaz de albergar todos os atletas, “exporta-os” em termos de alojamento para a Figueira e Coimbra, partilhando com estes concelhos os benefícios em termos de economia local destas realizações. Entretanto este fim-de-semana disputou-se também em Montemor o Campeonato do Mundo de Pesca Desportiva em água doce, mais um evento cujo resultado se irá traduzir na taxa de ocupação de Setembro. Mas em Coimbra realizaram-se em Julho os EUG (Jogos Europeus Universitários).

Agora foi anunciada realização da final da Liga Europeia de Futebol de Praia para 2019 na Figueira da Foz. É o contributo do desporto de alta competição a dinamizar com os seus eventos as economias locais. A isto se chama complementaridades regionais, a captação de grandes eventos, neste caso a alta competição desportiva, que devem ter um planeamento supra concelhio, uma vez que os seus efeitos ultrapassam as regiões/locais onde são realizados.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.