Figueirense investiga e faz divulgação científica na antiga Alemanha de Leste

Posted by

Ana Catarina Rodrigues Oliveira

A figueirense Ana Catarina Rodrigues Oliveira é licenciada em biologia, pela Universidade de Aveiro, com mestrado em biologia celular e molecular, pela Universidade de Coimbra. Acrescenta, ainda, ao currículo um doutoramento e um pós-doutoramento, este último, na Universidade Dresden, na Alemanha, onde integra uma equipa internacional de investigadores que estuda a regeneração de órgãos.

Foi bolseira da Fundação Gulbenkian e, neste momento, investiga em Dresden, ao abrigo de uma bolsa concedida pelos alemães. Na Alemanha, onde reside há sete anos, Ana Oliveira participa num estudo sobre a regeneração animal, tendo a salamandra como cobaia.

Ana Oliveira compatibiliza a investigação com a divulgação científica, que encara como uma missão, e ainda arranja tempo para pesquisar sobre os judeus sefarditas.

Informação completa na edição impressa

 

One Comment

  1. Zé da Gândara says:

    Deve ser comuna a nossa brava investigadora 🙂 Para se ter refugiado na RDA (República Democrática Alemã, aka Alemanha de Leste), deve ter atravessado o Muro de Berlim (que pelos vistos, para os jornaleiros do Beiras Times, ainda não caiu) para se refugiar no paraíso socialista e desta forma, se dedicar à ciência 🙂 Cá para mim, ainda por lá deve encontrar o Erich Honecker 🙂

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.