Via Central à espera da assembleia geral do Metro

Posted by

FOTO DB/PEDRO RAMOS

A câmara está a cumprir a sua parte: há quase um ano consignou a obra da Via Central e, ontem, os trabalhos em curso foram visitados por autarcas e munícipes.

Quem ainda não cumpriu a sua parte foi a sociedade Metro Mondego. É que, depois de ter expropriado e demolido dezenas de habitações, e indemnizado os proprietários e comerciantes, não há meio de encontrar uma solução para as contrapartidas que lhes prometeu.

Os casos mais “bicudos” são, justamente, os dos comerciantes, com quem a Metro se comprometeu a construir um edifício para reinstalar os respetivos negócios.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.