Timor e trabalhadores querem Plano Especial de Revitalização para os estaleiros navais da Figueira da Foz

Posted by

Foto: Pedro Agostinho Cruz

Os Governo de Timor-Leste e os sindicatos coincidem na preferência por um Plano Especial de Revitalização (PER) para os estaleiros navais Atlantic Eagle, desativados no início do ano.

Entretanto, foi pedida a insolvência da empresa, primeiro por um fornecedor e, depois, pelos trabalhadores. No primeiro caso, contudo, foi indeferida e o credor desistiu da ação. Por sua vez, os operários aguardam decisão do tribunal.

“A melhor forma de resolver o problema dos estaleiros seria um PER, mas essa é uma competência da administração da empresa ou do gestor de insolvência que possa vir a ser nomeado, mas o administrador da Atlantic Eagle recusa aquela solução”, defendeu o sindicalista José Paixão, em declarações ao DIÁRIO AS BEIRAS.

O Governo timorense chegou a propor aos sindicatos que avançassem com o pedido do PER, afiançou aquele dirigente sindical. Mas, esclareceu José Paixão, só a administração da empresa pode acionar aquele plano.

Informação completa na edição impressa

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.