“Sinto que com os Jogos em Coimbra estamos a voltar às raízes universitárias”

FOTO DR

Faltam (apenas) 10 dias e umas horas para o arranque do maior evento multidesportivo alguma vez realizado em Portugal. Os Jogos Europeus Universitários (JEU) 2018 constituem-se como um grande desafio para Coimbra, mas a Associação Europeia dos Desportos Universitários (EUSA) confia na organização.

“O maior desafio com a organização de um evento de uma escala tão grande é que há várias circunstâncias fora do controle da comissão organizadora”, sublinha o presidente da EUSA, Adam Roczek, em entrevista ao DIÁRIO AS BEIRAS. Mas, “a EUSA, juntamente com a comissão organizadora, Universidade de Coimbra, Município e FADU estão a fazer o melhor para minimizar a potencial turbulência”, garante.

s indicadores são positivos e todos os eventos de teste “foram bem-sucedidos”. “Há uma muito boa cooperação entre todas as partes interessadas, abordagem profissional dos parceiros e grande entusiasmo dos voluntários”, destaca Adam Roczek.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.