Governo reconhece interesse público de obra no Parque Verde

FOTO DR

O Governo reconhece “o relevante interesse público da execução da ampliação do edifício de restauração do Parque Verde do Mondego”, de acordo com o despacho ontem publicado em Diário da República.

A intervenção, preconizada pela Câmara de Coimbra, prevê a “ocupação total de 346 metros quadrados de solos integrados na Reserva Ecológica Nacional”. Trata-se de uma obra que visa “garantir soluções que minimizem os danos provocados pelas sucessivas ocorrências de cheias e consequentes prejuízos nos equipamentos existentes”, através da ampliação das áreas já “utilizáveis ao piso de cobertura do edifício, criando as condições para que os equipamentos possam continuar a funcionar mesmo quando o piso térreo estiver inoperacional”.

No diploma, a secretária de Estado Célia Ramos reconhece que “não existem alternativas de localização fora de áreas integradas na REN, porquanto se trata de uma intervenção numa estrutura já existente”.

Notícia completa na edição impressa de hoje

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.