Cluster de apicultura quer internacionalizar setor

FOTO DB/LUÍS CARREGÃ

Há um cluster português dedicado à biosiversidade e apicultura que quer criar uma marca forte e investir na internacionalização.

O grupo congrega responsáveis de universidades e politécnicos, assim como de associações de apicultores de todo o país. Alguns estão reunidos em Coimbra no V Congresso Ibérico de Apicultura que teve ontem início, na Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra (FFUC), e termina sábado.

“A ideia é criar uma marca chapéu de todos os produtos, desde o mel, própolis, geleia real, polén apícola, cera e veneno de abelha, que possa transpor para a sociedade o conhecimento”, disse ontem à margem do evento Maria da Graça Campos, professora da FFUC e responsável pela organização.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.