Administração é obrigada a baixar em 30% o consumo energético

Posted by

FOTO DB/LUÍS CARREGÃ

Os projetos para a eficiência energética, aprovados para os edifícios da Administração Pública Central, no âmbito do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), vão gerar poupanças anuais da ordem dos 10,8 milhões de euros.

O anúncio foi feito ontem pelo ministro do ambiente, João Pedro Matos Fernandes, que, ao presidir à sessão de apresentação destes investimentos, que decorreu ontem no Instituto Português de Oncologia (IPO) de Coimbra, realçou a importância da “descarbonização” da economia .

Portugal tem o compromisso de, até ao ano de 2030, conseguir reduzir entre 30 a 40 por cento das suas emissões atmosféricas e, dentro delas, atingir uma redução de 30 por cento do consumo energético da administração pública.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.