Estrangeiros unidos durante quatro dias na defesa da Mata do Buçaco

FOTO DR

Mais de meia centena de cidadãos de 13 países viajaram até Portugal, para participar, durante quatro dias, numa ação de voluntariado, na Mata Nacional do Buçaco, que resultou na plantação de 3.500 árvores em zonas fustigadas pelo ciclone Gong (2013) e pela tempestade Stephanie (2014).

São membros da Organização Não Governamental (ONG) japonesa Sukyo Mahikari, dedicados ainda ao controlo de plantas invasoras numa área de um hectare de floresta e ainda na colocação na terra de 400 sementes de carvalho.

É a terceira vez que esta organização internacional participa, nesta floresta pública do concelho da Mealhada, em ações de voluntariado, com jovens e adultos de diversos países. Desta vez, a Sukyo Mahikari levou ao Bussaco cidadãos de 13 países: Portugal, Espanha, Guadalupe, França, Suíça, Bélgica, Alemanha, Itália, Inglaterra, Venezuela, Guiné-Bissau, República do Congo e Argentina.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.