PSD dividido sobre vereadores a tempo inteiro na Câmara da Figueira da Foz

Posted by

Foto: DB-J.A.

Realizou-se ontem a primeira reunião de câmara do mandato. A distribuição de pelouros, no essencial, condiz com aquilo que o Diário As Beiras avançou na edição ontem, assunto que retomaremos na edição de amanhã. Confirma-se, também, Carlos Monteiro como vice-presidente.

João Ataíde passa a contar com quatro vereadores a tempo inteiro, mais um do que no mandato anterior.  Carlos Tenreiro e Ana Oliveira, do PSD, indagaram o presidente se realmente se justifica aduzir um vereador a tempo inteiro, o que implica mais despesa para o município. João Ataíde respondeu que, “felizmente, em termos financeiros, não causa grandes constrangimentos”.  Ana Oliveira e Carlos Tenreiro votaram contra e (o independente) Miguel Babo absteve-se.

Pouco tempo depois, no entanto, o PSD votaria em bloco contra a continuação da primeira reunião de câmara do mês à porta fechada – a pública realiza-se na terceira segunda-feira do mês. Foi Carlos Tenreiro quem mais argumentou contra a decisão que João Ataíde tomara já no segundo mandato.

O vereador do PSD lembrou que o edil do PS quebrou uma tradição que perdurava desde o 25 de Abril, manifestando um “repúdio veemente” contra a medida.

One Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.