Colisão entre três motas e um carro faz 4 feridos em Góis

 

Uma aparatosa e violenta colisão, envolvendo três motociclos e um carro, feriu ontem quatro pessoas, na Estrada Nacional 2, em Góis. As vítimas participavam na concentração motard e algumas estavam já de regresso a casa quando a viagem foi interrompida de forma súbita.
O acidente ocorreu pelas 12H00 entre a Portela de Góis e Cimo de Alvém, quando, numa curva, uma mota que seguia em direção a Góis embateu num carro que ia no sentido inverso. Na sequência do embate outros dois motards, cada um no seu sentido, envolveram-se também no acidente, explicou ao DIÁRIO AS BEIRAS Vítor Pascoal, adjunto de comando dos Bombeiros Voluntários de Góis (BVG).
Segundo a mesma fonte, as vítimas, três homens e uma mulher, têm entre os 30 e os 35 anos. Dois dos feridos inspiravam mais cuidados, estando um deles em estado considerado grave, e foram transportados para o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC). Um deles permanecia em observação ontem à tarde, o outro estava no serviço de cirurgia, disse fonte hospitalar.
As outras duas vítimas ligeiras foram transportados para o Centro de Saúde de Góis, sendo uma delas a namorada do ferido mais grave que se sentiu mal após o acidente.

Único acidente grave da concentração motard
A namorada do motard era ocupante do carro, cujo condutor não ficou ferido. Tinham estado na concentração motard e acabavam de iniciar a viagem de regresso a casa, ao que foi possível apurar, no Norte do país. No outro sentido, seguiam dois motards que se dirigiam ainda para o local do encontro.
Até este domingo não se tinha verificado nenhum acidente grave no âmbito da 24ª edição da Concetração Internacional de Motos de Góis que anualmente junta milhares de pessoas no concelho e onde ontem ainda estavam sete mil amantes das duas rodas.

Informação completa na edição impressa

One Comment

  1. acho que essa informação esta errada, vcs deviam verificar melhor isso antes de falar.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.