Cadafaz prestou homenagem aos “soldados da paz”

Posted by

Foi com a entrega de uma placa, com uma fotografia do Cadafaz e com um agradecimento da população, “pelo esforço e dedicação à aldeia”, que a União Recreativa do Cadafaz, em representação de todos os habitantes, reconheceu o trabalho desenvolvido por seis homens que, no dia 20 de junho, aquando o incêndio que levou à evacuação da aldeia, combateram as chamas.
Álvaro Martins, Carlos Alves, José António Gomes, Luciano Martins, Paulo Gaspar e Sérgio Martins foram os “seis guerreiros” homenageados por terem defendido a aldeia, permitindo que o fogo não queimasse nenhuma habitação.
Contando ao DIÁRIO AS BEIRAS que, no dia do incêndio, “a GNR passou pelo Cadafaz pelas 05H30 a avisar que as pessoas poderiam ser evacuadas”, Valdemar Nunes explicou que “isto viria a acontecer por volta das 10H30”, embora “cada um teve de arranjar o seu transporte para ir embora”, lamentou. “Primeiro foram para a Cabreira e depois foram encaminhadas para a Casa da Cultura de Góis”, sublinhou, reforçando que apenas os referidos seis homens “ficaram na aldeia” e “foi assim que conseguiram que as casas não ardessem, senão havia casas que seriam queimadas”. Revelando ainda que “por volta das 12H00, também lá fui e, até ao final da tarde, não apareceram bombeiros, apesar de estar lá um camião cisterna”, o presidente de direção da União Recreativa do Cadafaz assegurou que os homenageados “nunca vão ser esquecidos”, uma vez que “se não fossem estes indivíduos, não há dúvida que pelo menos algumas casas teriam sido queimadas”, reforçou.

One Comment

  1. José Pereira says:

    Todos os heróis de Cadafaz merecem o reconhecimento pela abnegação e o sentimento de servir o próximo, sem nada pedir em troca. A atitude, mais que louvável deverá ser transmitida o mais possível e servir de exemplo aos que negligentemente continuam a atear fogos com impunidade de uma justiça que se diz cega , lenta e que perdoa a quem tanto mal faz às populações mais desfavorecidas.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.