Pedro Marques visita obras na Figueira e Montemor

Posted by

 

O ministro Pedro Marques visitou, ontem, as obras da nova Unidade de Saúde das Alhadas e a fábrica United Resins, na Figueira da Foz. O equipamento público que está a ser construído naquela localidade, com um prazo de execução de nove meses, foi iniciado em outubro do ano passado e deverá ficar concluído até ao final do verão. Custa 605 mil euros, dos quais 85 por cento provenientes de fundos comunitários, cabendo à câmara figueirense suportar os restantes 15 por cento.
Se no município da Figueira da Foz, presidido por João Ataíde, o titular da pasta do Planeamento e das Infraestruturas ouviu falar em centenas de milhares de euros, no concelho vizinho de Montemor-o-Velho, Pedro Marques visitou as obras de requalificação da igreja de Santo António, junto ao castelo, e ficou a saber que a autarquia liderada por Emílio Torrão tem obras para lançar no valor de milhões de euros.
A requalificação da envolvente sul do castelo e a reabilitação urbana da zona histórica da vila, onde vão ser instalados um espaço para artistas e um edifício multiusos, bem como instalações para trabalho colaborativo e a recuperação da frente ribeirinha, fazem parte do plano de investimentos da autarquia montemorense. As obras, cofinanciadas por Bruxelas, têm por finalidade combater a desertificação do casco antigo.
O autarca montemorense não se ficou por fazer uma visita guiada ao ministro. Emílio Torrão lembrou a Pedro Marques que a edilidade quer ver construídas a variante sul e as passagens pedonais sobre a Linha do Norte, em Formoselha e Santo Varão, obras que estão a ser tratadas com a empresa pública Infraestruturas de Portugal.

 

Informação completa na edição impressa

One Comment

  1. Zé da Gândara says:

    Em MMV, o Pedor Marques fica em segundo plano… Ele já andava a salivar, qual cão de Pavlov para voltar à berlinda do product placement 🙂 Se perder as eleições (conforme se espera devido à vasta obra apresentada em quantidade e qualidade), irá desenvolver uma grave depressão porque de um momento para o outro se vê remetido à sua real significância 🙂 O pessoal da Psicoterapia que fique de prevenção 🙂

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.