Região de Coimbra tem 19 milhões para emprego e apoio a empresas

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra e oito grupos de ação local apresentaram ontem o Sistema de Incentivos ao Emprego e ao Empreendedorismo (SI2E), no valor global de cerca de 19 milhões de euros.
O sistema, que “visa operacionalizar os apoios ao empreendedorismo e à criação de emprego”, no âmbito do Programa Operacional Regional do Centro (‘Centro 2020’), é o primeiro a ser aprovado e apresentado, no âmbito dos apoios europeus concedidos através do quadro comunitário de apoio ‘Portugal 2020’.
Além da CIM da Região de Coimbra, que engloba 19 municípios – os 17 do distrito de Coimbra, Mealhada (distrito de Aveiro) e Mortágua (Viseu) – o projeto envolve oito grupos de ação local da Bairrada e Mondego, da Beira Serra, ADICES, do Ceira e Dueça, Pinhais do Zêzere, de Coimbra e Terras de Sicó.
Não é obrigatório, “não está escrito em parte nenhuma, mas estas entidades” entenderam que, para este programa, fazia todo o sentido “uma colaboração, esta parceria”, sublinhou Jorge Brandão, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), autoridade de gestão regional do ‘Portugal 2020’.

Cooperação da CIM
com municípios
Também o presidente da CIM da Região de Coimbra, João Ataíde, destacou a cooperação entre esta entidade e os municípios que a integram e os grupos de ação local, que vai, por certo, ser determinante para a aplicação do sistema de acordo com os seus objetivos, que são a promoção da coesão territorial e a afirmação da competitividade da região.

Notícia completa na edição impressa de hoje

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.