Dos seis helicópteros Kamov de combate a incêndios só três estão operacionais