Sistema vídeo de segurança avalia condições do mar e do areal em Mira

Posted by

A Câmara de Mira e a Universidade de Aveiro assinaram, ontem, na autarquia, um protocolo para a instalação, na Praia de Mira, de um sistema de vídeo que permite identificar as correntes de retorno (agueiros) e aferir a taxa de ocupação do areal por banhistas, que deverá entrar em funcionamento antes da próxima época balnear. A informação recolhida será enviada, em tempo real, para as entidades que zelam pela segurança na praia, podendo, também, ser consultada através de uma aplicação para dispositivos móveis.
Numa fase posterior, será instalado um sistema de monitorização das dunas, permitindo fazer previsões de temporais marítimos com três dias de antecedência. Deste modo, a autarquia e as autoridades que tutelam a orla costeira podem acionar uma resposta preventiva. Aquela plataforma de alerta costeiro deverá ser instalada antes do inverno marítimo de 2018. A escolha do local para a instalação dos dois sistemas é a frente urbana da praia, por tratar-se de uma zona vulnerável a inundações, sobretudo, o Bairro dos Pescadores, que se encontra numa cota inferior ao nível do mar.
Os sistemas, desenvolvidos pela Universidade de Aveiro, são pioneiros na costa ocidental portuguesa – foi instalado um no Algarve, mas o projeto terminou ao cabo de três anos e o equipamento foi desmontado. Os dois parceiros, porém, manifestaram vontade de que o projeto-piloto continue a funcionar depois de terminar a validade do documento, que é de três anos. A autarquia investe cerca de cinco mil euros, na compra e na instalação do material.

Informação completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.