Momento histórico para a Diocese de Coimbra

FOTO DB/LUÍS CARREGÃ

A Igreja do Carmelo de Santa Teresa foi pequena para tantos fiéis que ontem quiseram assistir à Sessão de Clausura do Inquérito Diocesano do Processo de Beatificação e Canonização da Serva de Deus, Lúcia de Jesus.

Doze anos após a morte da Vidente de Fátima, realizou-se um ato processual, mas cheio de simbolismo, que durou mais de uma hora e que culminou com um cântico com letra da autoria da Irmã Lúcia.

Após esta fase, o processo (que contempla um documento de mais de 15.000 páginas com escritos da Irmã Lúcia e depoimentos das testemunhas acerca da sua fama de santidade e virtudes heroicas) segue agora para a Santa Sé, onde será analisado pela Congregação para as Causas dos Santos.

Do processo, que ficará em Coimbra, foram feitas duas cópias – transunto e uma cópia pública – também devidamente controladas e ontem certificadas para seguirem para Roma.

Versão completa na edição impressa

One Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.