Educação ambiental tem de ser “estratégia nacional”

Posted by

FOTO DB/CARLOS JORGE MONTEIRO

O tempo em que falar de ambiente e da importância fundamental de o defender e preservar não passava de uma espécie de romantismo empenhado, acabou.

Hoje, a educação ambiental domina, é necessário que domine, agendas governamentais, mas também empresariais e, sobretudo, cidadãs. Ontem, foi apresentada em Coimbra a Estratégia Nacional de Educação Ambiental.

No auditório do Centro Tecnológico da Cerâmica e do Vidro (CTCV), Nuno Lacasta, presidente do Conselho Diretivo da Associação Portuguesa do Ambiente (APA) deixou as linhas orientadoras de uma estratégia a juntar os ministérios do Ambiente e da Educação.

Aquele responsável destacou a necessidade de assumir a educação ambiental mais como desígnio do que como imposição, reunindo parceiros disponíveis e empenhados na missão.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.