Investimento belga de 10 milhões cria 30 postos de trabalho em Mira

Posted by
FOTO JOT'ALVES

FOTO JOT’ALVES

 

A nova zona industrial de Montalvo, em Mira, vai acolher um investimento de dez milhões de euros do grupo empresarial belga Gouda Vuurvast, que irá criar na fase de arranque 30 novos postos de trabalho.
“Trata-se de um projeto que terá muito impacto na economia do concelho, fruto de um trabalho de captação de investimento que temos vindo a desenvolver nos últimos anos”, disse à agência Lusa o presidente da Câmara Municipal de Mira, Raul Almeida, que na quinta-feira fechou o acordo com representantes do Gouda Vuurvast, grupo com investimentos nas áreas dos produtos refratários para a indústria, que em 2015 apresentou um volume de negócios superior a 320 milhões de euros.

Produção de carvão
vegetal “pirolítico”
Este investimento, acrescenta o autarca, “vem realçar e reforçar o posicionamento estratégico do município de Mira, em termos de localização geográfica e proximidade de importantes vias de comunicação, capazes de captar este tipo de investimentos, determinantes para o desenvolvimento económico e social da região”.
A nova unidade industrial, que ficará instalada num lote de 32 mil metros quadrados, vendido pela autarquia em 2015 por 200 mil euros, consiste na instalação de uma unidade de produção de carvão vegetal “pirolítico”, uma tecnologia inovadora que o grupo Gouda Vuurvast descreve como sendo “totalmente amiga do ambiente, assente num novo paradigma de produção deste produto, voltado para a sustentabilidade, respeito pelo meio ambiente e eficiência no uso dos recursos”.

Informação completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.