16 milhões de euros para proteger Coimbra das cheias do Mondego

01 COIMBRA DIA DA  CIDADE LC  (6)

Nos próximos dois anos, o rio Mondego será alvo de cinco projetos de intervenção, num investimento total de 16,3 milhões de euros, que vão permitir que Coimbra fique “muito mais bem preparada” para cheias.

As palavras são do ministro do Ambiente que ontem assistiu à sessão solene comemorativa do Dia da Cidade de Coimbra, nos Paços do Município.

“Não podemos dizer que daqui a dois anos não haverá cheias”, frisou João Matos Fernandes. Contudo, os cinco projetos de intervenção – dois dos quais resultado de uma parceria entre a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e o município de Coimbra – “ vão permitir que a região fique muito mais bem preparada para este tipo de fenómenos que decorrem daquilo que são as alterações climáticas”.

Toda a informação na edição impressa de 5 de julho do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.