“O Centro de Portugal quer continuar a crescer a dois dígitos”

Posted by
FOTO DB/CARLOS JORGE MONTEIRO

FOTO DB/CARLOS JORGE MONTEIRO

Quais são as novidades da Turismo do Centro na presente edição da BTL?

A BTL vai ser o palco privilegiado para, em primeira instância, consolidar o rebranding da marca Centro de Portugal. 2015 foi o ano do lançamento da nova logomarca. Toda a estrutura visual dessa edição foi no sentido de comunicar a marca e todo o seu envolvimento naqueles que foram os três principais objetivos…

E que foram?

Um elemento visual que fosse agregador dos territórios e que espelhasse a nova realidade do Centro de Portugal; um elemento que fosse, simultaneamente, apelativo para a comunicação e promoção da marca e que nos ajudasse ao novo posicionamento do Centro de Portugal e, finalmente, que fosse mais competitivo, ou seja, que depois da notoriedade nos permitissem conquistar mais mercados.

Isso foi conseguido?
Os dados de 2015 provam que a estratégia que definimos vêm ao encontro dos objetivos traçados. Segundo os dados do INE, no período acumulado de janeiro a dezembro, o Centro cresce 15 por cento em receitas — passa a fasquia dos 203 milhões de euros; cresce em número de dormidas — cerca de 10 por cento, dos quais 9,07 por cento são nacionais e 10,5 por cento internacionais e cresce em número de hóspedes — passando os 12,8 por cento. São crescimentos a dois dígitos, muito assinaláveis e que, provavelmente, espelham a melhor performance de sempre desta organização regional de turismo. Principalmente, depois da agregação de 2013, é claro, e que faz com que 2016 possa vir ainda a subir o número de hóspedes e receitas.

Versão completa na edição impressa

One Comment

  1. Henrique Costa says:

    O Pedro Machado foi atacado pelo gene dos cabelos brancos não? Ou são demasiadas chatices… o pior está para vir 🙁

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.