Alunos da Bernardino Machado desenvolvem pulseira a pensar nos idosos

Posted by
FOTO DB/JOT'ALVES

FOTO DB/JOT’ALVES

A Escola Secundária Bernardino Machado, sede do Agrupamento de Escolas Figueira Mar (AEFM), viu o seu projeto “Livelet” ser apurado para a segunda fase do Projeto Ciência na EscolaFundação Ilídio Pinho, tendo-lhe sido, para já, atribuído um subsídio de 500 euros.

A “Livelet” representa, segundo o AEFM, uma “pulseira de monitorização destinada à população sénior”. Foi pensado para que os idosos ainda mantenham uma vida ativa e autónoma. A responsabilidade é da professora Isabel Esteves.

Versão completa na edição impressa

One Comment

  1. Mas o que faz essa pulseira???

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.