Opinião – Dois anos de inércia

Posted by
Manuel Domingues

Manuel Domingues

Dois anos em que se verifica um município sem rumo, com um presidente de câmara distante, afastado do quotidiano e dos problemas mais prementes do concelho, talvez por aqui não habitar.

Dois anos em que o turismo, uma prioridade, na mão dum vereador ausente do concelho, sem estratégia definida, equipamentos abandonados e um areal indigno para a que já foi “Rainha das praias”. Dois anos em que o Sr. presidente, responsável máximo da Protecção Civil, não reuniu uma única vez com a respectiva comissão.

Dois anos em que nada se fez na captação de investimento para o concelho com vista à criação de emprego. Dois anos em que as estradas municipais do concelho estão abandonadas, em detrimento de alguns estacionamentos. Dois anos em que a Figueira Mondego cobrou estacionamento no hospital sem qualquer justificação do porquê, nem para quê. Qual o benefício para os munícipes? Dois anos em que o PDM está na gaveta, tendo o Sr. presidente publicamente assumido a sua conclusão em 2015.

Dois anos em que a Figueira Domus, apesar das graves irregularidades na gestão e contas por parte da administração, desconhecendo-se, até hoje, o verdadeiro rombo financeiro sofrido e que medidas foram tomadas para que tal não volte a suceder. Dois anos em que se levantaram graves suspeitas sob o funcionamento das Junta de São Pedro, Quiaios e Buarcos e São Julião, e, até hoje, o Sr. presidente da câmara municipal não tomou qualquer posição.

Os figueirenses esperam um presidente dedicado, interessado, preocupado com o concelho e não com o seu futuro político; um executivo empenhado e transparente, que não interdite o público e a comunicação social de assistir às reuniões, procurando esconder, assim, a inercia e a incapacidade que é apanágio da actual liderança, tendo, com esta decisão, quebrado a tradição democrática desde 25 de Abril de 1974 de reuniões abertas. O PSD da Figueira da Foz faz votos que este paradigma mude, para bem dos munícipes e do concelho.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.