Opinião – Crónica de Férias, nos tempos da Informação

Posted by
Hélder Rodrigues

Hélder Rodrigues

1.Os Livros e as Férias

Em tempos não muito remotos, uma grande parte das férias era passada a ler os livros que não se tinha tido oportunidade de ler ao longo do ano. A leitura de bons livros transportava-nos para outros ambientes e situações que o quotidiano de forma alguma nos podia fornecer.

A imaginação e a criatividade, o alargamento de horizontes e o aprofundamento do espírito critico, para alem da tranquilidade e da paz de espírito que uma boa hora de leitura nos trazia era de uma riqueza notável para a forma de ser e de estar na vida! À medida que a vida avançava, mudavam igualmente os autores preferidos; Emílio Salgari e Júlio Verne, Julio Diniz e Alexandre Herculano, Zola e Dumas, Camilo e Eça, Simenon e Agatha Christie, Steinbeck e Hemingway, Maugham e Graham Green, Camus, Proust e Mann, Italo Calvino e Garcia Marquez, Torga e Saramago tiveram as suas épocas preferenciais!

Por isso na altura de fazer as malas para férias era certo e sabido que a tarefa principal era meter lá dentro os livros dos autores preferidos, companheiros inseparáveis de umas ferias bem passadas. Só depois vinha o resto; calções de banho, toalhas, cremes, toilettes, sapatos, ténis, etc.

2. Quando as TICs entram em cena

A pouco e pouco as Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) têm tomado conta da nossa vida de férias tal como já o tinham feito no nosso quotidiano! O espaço para livros na mala, e na cabeça, vai diminuindo gradualmente para dar lugar crescente a toda uma artilharia que nos debita informação a tempo inteiro!

Começou pela artilharia pesada da TV por Cabo com mais de 200 canais e pelo computador fixo ligado à corrente para passar às mais diversas formas de artilharia ligeira que nos acompanha por toda a parte como um cão fiel que não larga o dono!

Telemóveis e Computadores portáteis com pesos cada vez menores e velocidades de processamento e memorias cada vez maiores, Iphones, Ipads, Ipods , Motores de busca, Sms, Emails, Facebooks, Twiters, Itunes, Ibooks, Youtubes, Playstations, Mind games (como diz o outro!) só para falar daqueles que toda a gente conhece!

3.Para o ano vou voltar aos Clássicos!

Nos tempos actuais, o cidadão normal, inundado de informação por todo o lado, tem um tempo de férias “curto” para se dedicar a outras ocupações mais saudáveis para o corpo e para a mente!

Na semana passada fui jantar com amigos e familiares e olhei à volta da mesa; os adultos começaram imediatamente, antes de se agarrarem às azeitonas, por colocar os telemóveis em cima da mesa em locais estratégicos atentos ao mais pequeno sinal, as crianças agarraram-se aos jogos e nem queriam comer, as mulheres escolhiam vestidos da moda encomendáveis através da Internet! E até eu, ao longo do repasto, fui incomodado varias vezes por sons estridentes e angustiados a anunciar, em cima da hora, os quatro golos com que o Setúbal derrotou a Briosa, e nos estragou completamente a noite e o jantar, deixando-nos com uma grande azia para o resto da semana! Para o ano vou voltar a carregar a mala para férias com muito mais livros para ler. Vou voltar aos Clássicos!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.