Garantir uma “escola segura” desde 1992

03 2012 Escola Segura_JPG

Com o novo ano letivo prestes a começar, ainda que grande parte dos alunos só iniciem as aulas na próxima segunda-feira, regressam também ao perímetros escolar os já familiares carros do Programa Escola Segura, pintados com o azul da PSP ou com o verde da GNR.

Intenção é manter em segurança crianças e jovens estudantes, mas também promover a sensibilização necessária para as questões alargadas da segurança junto de toda a comunidade escolar.

Nascido em 1992, na sequência de um protocolo celebrado entre os ministérios da Administração Interna e da Educação, o Programa Escola Segura foi depois posto em prática por elementos da PSP e da GNR, no âmbito das suas áreas de intervenção.

Versão completa na edição impressa

One Comment

  1. Zé da Gândara says:

    Que brilhante ideia! Que lourinhos que são os nossos políticos! Mais um product placement dos sucessivos desgovernos que por cá tem rodado na passerelle do poder… Primeiro, através de legislação da treta, desautorizam os professores de forma a que qualquer fedelho de palmo e meio com os cueiros a abarrotar de bosta se atreva a cagar abaixo de um professor que pode ter mais que a idade de ser avô dele, como forma subliminar de desacreditar o ensino público e cantar odes aos colégios dos amigalhaços que são tidos como o ex-libris da educação cá no burgo… E como à conta destas brincadeirinhas a escola se tornou um espaço pouco respirável, logo trataram os sucessivos desgovernos de mandar a tropa de choque para perto dos pirralhos para impor respeito… Digno de terceiro mundo… Há vinte e poucos anos andava numa preparatória e ainda imperava um nadinha de respeito e embora para lá fossem uns cidadãozinhos vestidos de verde com ar de mauzões de tempos a tempos, que me recorde, nunca foi necessária a intervenção desses cidadãozinhos… Sendo que algum do chinfrim que por lá ia existindo era em parte provocado por alguns doutos rebentos desses cidadãozinhos vestidos de verde (primorosa educação receberiam lá em casa)… Enfim… País sebento pejado de sebentos…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.