Cantanhede é o segundo exportador do distrito

Posted by
10 CANTANHEDE CJM

Foto de Carlos Jorge Monteiro

 

Cerca de uma centena de empresários do concelho de Cantanhede participaram num jantar, sexta-feira, com Luís Campos Ferreira, secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, e Ulrich Brandenburg, embaixador da Alemanha em Lisboa, culminando uma jornada regional do programa “Embaixadorias”.
“A meu ver, trata-se de uma ação de diplomacia económica com enorme potencial para reverter em benefícios para as empresas”, afirmou João Moura, presidente da Câmara de Cantanhede. “Não é por acaso que o nosso concelho é o segundo maior exportador do distrito e, para isso, muito contribui uma prestigiada empresa alemã do setor dos componentes para automóvel, além de outras”, disse, referindo-se à Mahle, em Murtede.

2 Comments

  1. Zé da Gândara says:

    Se tivesse sediada no concelho a Galp ou a Autoreuropa (ou ainda mesmo a Siemens no tempo em que a Siemens incorporava o negócio dos semi-condutores que entretanto se separou da casa mãe através da spin-off Infineon) ainda mais se exportaria em Cantanhede… quem lê esta notícia e não conhece a realidade miserável do concelho que cada vez mais miserável se torna (diria que há já quem pareça o Ceausescu a aparecer na televisão em festivais gastronómicos de comida gourmet de pança cheia, enquanto a generalidade dos Romenos passava fome), diria que todos os munícipes andam de Jaguar e que quando não vão passar férias ao Dubai, vão até ao extinto glaciar Suíço fazer férias na neve, quando não se querem prestar à maçada de ir até ao Quénia ou ao Botswana fazer um safari ou até às Maldivas ou às Seychelles apreciar corais…
    Em termos palpáveis… A dita diplomacia económica (esse novo termo do jargão politiquês recente) cifrou-se em atracção de Investimento Directo Estrangeiro com fixação de indústria no concelho ou de outras actividades económicas geradoras e distribuidoras de riqueza ou foi apenas algo para a foto para publicar no RIA NOVOSTI local?
    A exportação da abundante estupidez concelhia contaria para as estatísticas se houvesse quem a quisesse comprar?

  2. Zé da Gândara says:

    Querem ver que o antigo "Exame Prévio" renasceu e agora já não se pode fazer uma crítica mais corrosiva? Vai lá, vai!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.