A “costurar cantigas e histórias da nossa memória” em palco e para todos

Em palco, Catarina Moura e Luís Pedro Madeira constroem um espetáculo simples e belo, feito de música, histórias, adivinhas e provérbios. FOTO PEDRO RODRIGUES

Em palco, Catarina Moura e Luís Pedro Madeira constroem um espetáculo simples e belo, feito de música, histórias, adivinhas e provérbios. FOTO PEDRO RODRIGUES

Longe de ecrãs e jogos eletrónicos, meninas e meninos sentados em roda, no limite do palco, ouvem atentos as histórias, admiram-se com o gato que se afasta nas ondas, encantados com as canções e com as palavras que as fazem.

O mesmo encanto prende os pais, que decidiram aproveitar a manhã de sábado para ir ao teatro com as crianças, ver e ouvir o cancioneiro tradicional infantil que Catarina Moura e Luís Pedro Madeira quiseram levar ao palco no projeto Taleguinho.

O palco é o do Teatro da Cerca de São Bernardo (TCSB), em Coimbra, que há poucos dias acolheu a estreia do novo projeto da cantora e do músico, propositadamente construído para os mais novos, a partir do “riquíssimo património tradicional português”.

O mesmo palco que, antes de Taleguinho partir pelo país voltará a acolher o espetáculo em novas sessões para famílias e escolas.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.