Condução sob o efeito do álcool deu prisão efetiva para homem de 31 anos

Posted by

alcool

Um homem que foi apanhado pela sexta vez a conduzir alcoolizado foi hoje, quinta-feira, condenado pelo Tribunal de Aveiro a cinco meses de prisão efetiva, a cumprir em regime de dias livres.

Há precisamente um mês, o arguido, de 31 anos, tinha sido condenado a seis meses de prisão com pena suspensa, por ter sido apanhado bêbado a conduzir um carro, em Ílhavo, ao mesmo tempo que a companheira conduzia outro, também embriagada e no qual estavam os quatro filhos, todos menores.

Nas situações anteriores, o arguido foi sentenciado com penas de multa e penas de prisão substituídas por trabalho a favor da comunidade.

Desta vez, o tribunal decidiu aplicar uma pena privativa da liberdade ao arguido, que terá de passar 30 fins-de-semana seguidos no Estabelecimento Prisional de Aveiro, por decisão da juíza que o julgou em processo sumário.

“A sua conduta é grave, porque a taxa de álcool era elevada, porque teve intervenção num acidente de viação, porque é a sexta vez que aqui está e porque estes factos foram praticados quando estava a decorrer outro processo”, realçou a juíza, durante a leitura da sentença.

Além da pena de prisão, o arguido fica inibido de conduzir por dois anos.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.