Basquetebolista ex-Lousanense mata família nos EUA

Jonathan Walker. FOTO DR

Jonathan Walker. FOTO DR

Jonathan Walker, basquetebolista norte-americano, de 34 anos, que jogou no Lousanense, na época 2005/2006 e no Sangalhos (Anadia), em 2003/2004, terá, alegadamente, matado a tiro a filha, de 7 anos, a companheira, de 31 anos, e a sogra, de 62 anos, suicidando-se em seguida, refere a polícia norte-americana.

Os factos ocorreram sábado passado, no estado de Nova Iorque, nos Estados Unidos da América.

O basquetebolista tinha ainda outra filha, de 12 anos, que apesar de também ter sido alvejada na cabeça, foi quem alertou as autoridades”, segundo informações avançadas pelo sítio americano newsday.com.

Versão completa na edição impressa

One Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.