Trabalhadores da Soporcel exigem anulação de “despedimento” de seis trabalhadores

Posted by
Spread the love

PORTUCEL SOPORCEL DR

 

Cerca de 200 trabalhadores da empresa papeleira Soporcel reunidos ontem em plenário na Figueira da Foz exigiram a anulação da decisão do que dizem ser “o despedimento” de seis colaboradores da área informática.

Em causa está uma proposta de rescisão de contrato por mútuo acordo feita pela administração da fábrica localizada em Lavos, Figueira da Foz, a funcionários da área de sistemas de informação, que passarão a desempenhar aquelas funções através de uma empresa de prestação de serviços.

Numa moção aprovada no plenário, e à qual a agência Lusa teve acesso, os trabalhadores reclamaram a anulação da decisão e responsabilizam a administração “por eventuais conflitos laborais e ações de luta” que venham a acontecer na sequência da medida.

No texto, os trabalhadores frisam que a papeleira tomou a decisão relativa aos seis funcionários da área informática “em segredo”, – alegando que a questão vinha a ser tratada “há um ano” – e que a apresentou aos trabalhadores como um “facto consumado” e que os pressionou a uma resposta “quase imediata” num prazo de 24 horas.

Na sessão, António Moreira, coordenador da União de Sindicatos de Coimbra, avisou que a decisão de rescindir os contratos com os seis funcionários “é só o início de um processo” que poderá resultar no despedimento de mais colaboradores de outras áreas da unidade fabril.

Ouvida pela Lusa, fonte oficial do grupo Portucel Soporcel reafirmou que, “no máximo, seis colaboradores da Soporcel vão ser convidados a trabalhar numa outra empresa”, no âmbito de um processo de ‘outsourcing’ informático, negando que exista um processo de rescisões que envolva outras áreas ou outros colaboradores da papeleira.

“Este processo, que está projetado e ainda não finalizado, respeita todos os direitos dos trabalhadores. Nenhuma outra área da empresa, ou qualquer outro colaborador, está a ser considerado para processos de ‘outsourcing'”, afirmou.

 

 

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.